Torneio Bruno Nobre e Diogo Ganchinho

Decorreu no passado sábado, dia 12 de fevereiro, o Torneio “Bruno Nobre” de Duplo Mini Trampolim e “Diogo Ganchinho” de Trampolim, em Santo Estevão.

Uma prova nova no nosso calendário em que, para os atletas em questão, servia para aquecer os motores das provas, para que se relembrassem da pressão, dos nervos que é de voltar à competição. E o nosso único objetivo de passar a ELITE!!!

Uma viagem de poucas palavras, algumas até arrancada a “ferros”, será dos nervos? Música não faltou com a “DJ” de serviço, a nossa “Ritinha” Abrantes.

Quanto à prova, permitiu superar as expectativas (faladas na viagem), sendo assim, os nossos ginastas até se portaram bem!

Rita Abrantes foi a primeira ginasta a saltar, uma série bem feita com poucas falhas e…. chegando ao último salto (10º salto), a nossa ginasta estava com pressa de acabar que na sua cabeça o Duplo Empranchado já estava feito, mas que ainda faltava fazer no trampolim, faltou ¼ de mortal para acabar em pé a nossa Rita. O colchão?? Ainda estás a tremer??? Estás contente???

Joana Abrantes, a nossa segunda atleta a saltar, esta com um pequeno contratempo com uma dor no pé, trazida já de Pombal na nossa última prova do ano de 2021, que tem afetado no seu desempenho nos treinos. Mas segundo as palavras que foram ditas no carro, Joana superou as suas expetativas!

Pouco depois destas atletas saltarem, chega a vez do Francisco Reis, bom aquecimento, mas com muitos nervos à flor da pele. Série 1 executada, mas com algumas falhas, fez 148km até Santo Estevão e mais 1km HD (horizontal displacement) no trampolim. Série 2, as pernas ainda tremiam, não conseguiu ultrapassar do 5º salto. Mas conseguiu trazer uma medalha de 3º lugar para casa.

Muito, muito, muito tempo depois, mais ou menos 3 horas depois, Camila Alves sai das bancadas para o aquecimento tão esperado, um bom aquecimento, a sentir bem o Duplo Mini Trampolim. Série 1, bem feita! E… fica em pé… não… o corpo não aguentou e cedeu. Série 2, uma série também bem executada e… fica em pé… não… o colchão parece que queria a Camila sentada nas receções. Mas em geral uma boa prova! 2 séries feitas, depois de uns treinos atribulados. E uma medalha de 1º lugar para a Camila.

Finalmente, prova terminada, um foi andando para Coimbra e outros ficaram a empanturrarem-se com sopa da pedra.

Continuar com os bons treinos que temos uma época longa.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *