Estranhas equipas!

Na presente época a Federação de Ginástica de Portugal, decidiu tornar possível a constituição de equipas com ginastas de diferentes clubes!

Sendo esta uma decisão muito invulgar, senão mesmo inédita, ela é suportada pelo texto “…por princípio em todas as participações por grupos/equipas em qualquer competição é permitida a associação de clubes para a formação de tais grupos/equipas sendo o resultado final atribuído de igual forma aos clubes associados.” (!)

Ou seja, tal medida vai permitir alargar o número de equipas participantes nos campeonatos nacionais mas de uma forma artificial, já que estas estavam reservadas aos clubes com maior expressão e sucesso competitivo, que tinham logrado qualificar os ginastas suficientes para a competição em causa.

Agora, vai estar em causa a verdade desportiva, porque hipoteticamente, um clube com vários ginastas qualificados, pode “pulverizar” os seus ginastas por várias equipas, aumentando a suas hipóteses de obter um título coletivo, mesmo que só com um ginasta do seu clube.

A situação que mais se irá verificar será a de os clubes que conseguiram apurar equipas verem-se a competir contra “seleções” de diversos clubes e provavelmente perderem os títulos que a eles estavam destinados.

Em Roma fazemos como os romanos e também a AAC, irá incluir ginastas em conjunto com outros clubes no Campeonato Nacional de Duplo Mini-Trampolim e Tumbling, que acontece a 11 e 12 de Abril em Viana do Castelo.

Para melhor perceção da verdadeira miscelânea, aqui seguem as equipas participantes.

EQUIPAS

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *